top of page

Exercício Físico melhora a Imunidade

Atualizado: 19 de jun.

O sistema imunológico passa por inúmeras alterações associadas ao envelhecimento, sofrendo um declínio gradual conhecido como imunossenescência. Esse processo afeta tanto a imunidade inata, mecanismo de resistência natural que age de forma rápida e automática para responder ao agente invasor, quanto a imunidade adaptativa. Isso aumenta a suscetibilidade dos indivíduos em adquirirem doenças infecciosas ou crônicas degenerativas, contribuindo para o aumento da morbidade e mortalidade.

A imunossenescência está associada à atrofia do timo, um órgão vital para a manutenção da homeostase do sistema imune periférico. Com o envelhecimento, há uma diminuição do número e da funcionalidade dos linfócitos T, que são responsáveis pela defesa do organismo contra agentes desconhecidos, impactando também as células B.

A prática regular de exercícios físicos exerce uma influência positiva no sistema imunológico, embora ainda não haja consenso entre os autores sobre qual tipo de exercício é mais eficaz nesse aspecto.

O exercício físico orientado é uma estratégia importante para fortalecer as defesas do organismo e melhorar o bem-estar e a qualidade de vida, proporcionando diversas respostas significativas para a saúde.

No entanto, é crucial ressaltar que a prescrição de exercícios para idosos deve ser precedida por uma avaliação prévia e criteriosa, levando em consideração as condições individuais de saúde e o estado físico de cada pessoa.


Agende sua consulta.


Verônica Filter de Andrade

Fisioterapia para idosos

CREFITO 153.807-F



9 visualizações

Commentaires


bottom of page